terça-feira, abril 10, 2007

Epigenia do Ceira e Água & Gelo

Que se há-de fazer numa "ponte"? Especialmente se a mulher vai trabalhar e o filho para a escola?

Óh que agonia... que hei-de fazer? Sózinho...

- "Bom, Mila, fazemos assim; Não era preciso e eu até podia ficar todo o dia na cama mas, como sou simpático, levanto-me cedinho e levo-te ao trabalho, ok?

Depois, vou dar uma voltinha. Não sei a que horas volto...
Deixo-te um papel com umas coordenadas e o telemóvel do PH. Digo-lhe aonde vou....

- #$%?geocaching!!!!$#»$#!!!! #$%geocaching!!!%$!#$
"




"Epigenia do Ceira"

Estive quase, quase, para vir cá em 30/12/2006, quando regressava da colocação de caches no 'Tejo Internacional' mas, na altura, estaria a desrespeitar três regras de segurança; não ir sózinho, não ir com tempo chuvoso e piso escorregadio e não ir de noite. Ainda cheguei a percorrer alguns kms em direcção a ela mas depois decidi ter juízo. Agora só desrespeitei a regra de ir sózinho e, sem dúvida, apreciei muito melhor o local do que se tivesse vindo em Dezembro.

Senhora da Candosa










Vistas do topo
















Perto da entrada do túnel abandonado


















Dentro do túnel, a caminho da cache






Após a passagem do túnel, penhascos de meter medo.



































Mas mais uma cache reclamada. Esta até parece que dá direito a 'certificado de geocacher'.



































Hora de regresso









.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

"Agua e Gelo"

Fiquei pela beicinha por esta cache hà uns meses quando estive a traduzi-la no âmbito do projecto de traduções de caches.

O local inicial é destino de romaria a 'local religioso no alto de uma serra' como hà muitos por este país afora. Interessante especialmente pelo enquadramento histórico à volta do fabrico do gelo. O local final é um daqueles cantinhos mágicos que, só quem vive na zona ou é geocacher tem o prazer de conhecer.


Santo António das Neves, no alto da Serra da Lousã

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

numa altura em que as dádivas dos fiéis desceram 25%...




























Um dos poços de neve




















Não encontrei a 'água com gelo' por isso fui para casa procurar um whisky (até para esquecer a desilusão que o Benfica me deu).



















.
.
.
.
.





Havia outras caches na zona mas o meu objectivo, desde hà muito, eram estas duas e como gosto de saborear estes momentos nas calmas só me despachei pelas 18h00.

Acho que voltarei a passar pelo Coentral; ainda hà a "Penedos de Góis".

1 comentário:

Costa disse...

Épa, Mantunes, fotos mesmo à maneira...

Felizmente já tive a oportunidade de fazer estas duas caches. Do melhor que pode haver no geocaching.

Obrigado por me reavivares a memória de momentos maravilhosos, e de paisagens que são como dizes - ou se vive na zona ou só o geocaching nos dão a conhecer.